Olimpíadas: Brasil garante duas vagas no BMX Freestyle

Por Redação

Olimpíadas: Brasil garante duas vagas no BMX Freestyle
Imagem: Reprodução/Instagram

A menos de dois meses do início das Olimpíadas de Tóquio, o Brasil conseguiu duas vagas em uma das modalidades que vai estrear nos Jogos este ano: o BMX Racing Freestyle. O país terá representantes nas competições feminina e masculina, com os pilotos Priscilla Stevaux e Renato Rezende.

Leia mais

+ Skate nas Olimpíadas: Confira a classificação final do Brasil

+ Olimpíadas de Tóquio: conheça os novos esportes

+ Guia das Olimpíadas: tudo sobre a escalada esportiva

+ Guia das Olimpíadas: tudo sobre o surf

Essa será a segunda participação de Priscilla, que tem 27 anos, em Jogos Olímpicos. Ela representou o Brasil nas Olimpíadas do Rio em 2016.

Já Renato vai para a sua terceira disputa Olímpica, depois de ter passado pelos Jogos de Londres em 2012 e do Rio em 2016. Renato tem 30 anos.

A convocação  para o BMX Racing segue os critérios estabelecidos e publicados no dia 23 de agosto de 2018, sendo fundamentada em princípios éticos e resultados esportivos (Ranking Olímpico), segundo a Agência Brasil. Mesmo estando atrás do compatriota Anderson Ezequiel (14º) no ranking mundial, Renato (25º colocado nessa lista) leva vantagem no ranking olímpico pelo número de eventos selecionados. Priscilla é a 37ª do ranking.

A nova modalidade das Olimpíadas, o BMX Freestyle ou Estilo Livre, é composta por manobras e tricks, e não por uma competição de velocidade.