Guia das Olimpíadas: tudo sobre a escalada esportiva

Escalada esportiva chega pela primeira vez aos Jogos Olímpicos com regras novas e estrelas, como Janja Garnbret
Escalada esportiva chega aos Jogos Olímpicos com estrelas como Janja Garnbret - Reprodução Instagram

A escalada esportiva chega às Olimpíadas com novas regras, pela pela primeira vez na história. A modalidade vai reunir os melhores do mundo no Japão a partir do dia 23 de junho exigindo, força, estratégia, flexibilidade, potência e resistência.

No total, 40 atletas se classificaram para os Jogos de Tóquio, sendo 20 homens e 20 mulheres, que competem por seis medalhas. Confira os destaques abaixo e a lista completa dos participantes aqui:

  • Adam Ondra, da República Tcheca, é um dos favoritos entre os homens. Ele foi o primeiro a subir uma rota de boulder 9C+, considerada a mais difícil do mundo, na formação “Silêncio”, na Noruega. Cinco vezes campeão mundial, ele é especialista em lead e boulder, mas não tão confiante em speed.
  • Os irmãos franceses Mickael e Bassa Mawem vão competir entre si. Mickael se classificou em primeiro lugar, terminando em sétimo no Mundial de Escalada de 2019, enquanto Bassa se classificou no Torneio Olímpico de Classificação, em novembro.
  • Alberto Ginés é a jovem promessa espanhola. Aos 18 anos, chega pela primeira vez aos Jogos e contou, em entrevista aos canais oficiais dos Jogos Olímpicos, sobre a sensação de participar da maios competição esportiva do planeta.
  • O “Capitão América” Nathaniel Coleman foi o primeiro alpinista norte-americano a se qualificar, no masculino, para os Jogos.
  • Representando o Japão, estarão o atual campeão mundial, Kai Harada, e o tricampeão mundial, Tomoa Narasaki, do lado masculino. A extrovertida Miho Nonaka e a veterana Akiyo Noguchi vão brigar por medalhas entre as mulheres.
  • A eslovena Janja Garnbret é um dos nomes mais aguardados na modalidade: ela é hexacampeã mundial e uma das melhores escaladoras do mundo. A britânica Shauna Coxsey, considerada uam das esportistas mais duronas da escalada esportiva, será sua principal adversária.
  • A campeã mundial de boulder de 2016, Petra Klinger, representando a Suíça, e a  menina prodígio italiana, Laura Rogora, fecham a lista de destaques.

Regras e formato

As provas serão disputadas em três modalidades diferentes: Speed, Boulder e Lead. Cada escalador deve competir, obrigatoriamente, nas provas de velocidade, boulder e via guiada. Quem melhor sair colocado em cada uma das disciplinas, é o vencedor.

O formato combinado na escalada esportiva para as Olimpíadas tem regras novas, e foi definido por conta da escassez de espaço na vila olímpica e disponibilidade de medalhas. O Comitê Olímpico Internacional reservou apenas um conjunto de medalhas para a modalidade (ouro, prata, bronze) por gênero, em vez de um conjunto de medalhas por disciplina, segundo informações da Revista Blog de Escalada.

Cada um dos 20 atletas terá:

  • 2 tentativas na via da velocidade
  • 5 linhas de boulder, com 5 minutos disponíveis para escalar cada linha. O objetivo é chegar ao topo no menor número de tentativas possível.
  • 2 vias principais que os atletas poderão visualizar com antecedência

Através de uma multiplicação feita pela classificação de cada disciplina, os atletas serão ranqueados de 1º a 20º. Por exemplo:

  • 1º em velocidade x 3º no boulder x 7º na via guiada = resultado marca 21
  • 3º em velocidade x 3º no boulder x 3º na via guiada = resultado marca 27
  • 10º em velocidade x 8º no boulder x 6º na via guiada = resultado marca 480

Diferente do que acontece no Campeonato Mundial, a classificação é feita pela ordem crescente – do menor ao maior valor. Os 8 melhores atletas de cada gênero que atingirem os multiplicadores mais baixos avançam para as finais.

Programação

As provas de escalada esportiva acontecem entre os dias 3 e 6 de agosto de 2021.
A lista abaixo foi adaptada ao horário de Brasília.

Terça-feira, 3 de agosto, 5:00 – 10:40

  • Classificação Combinada Masculina – Speed
  • Classificação Combinada Masculina – Boulder
  • Classificação Combinada Masculina – Lead

Quarta-feira, 4 de agosto, 5:00 – 10:40

  • Classificação Combinada Feminina- Speed
  • Classificação Combinada Feminina – Boulder
  • Classificação Combinada Feminina – Lead

Quinta-feira, 5 de agosto, 5:30 – 10:20

  • Final Combinada Masculina – Speed
  • Final Combinada Masculina – Boulder
  • Final Combinada Masculina- Lead
  • Cerimônia de Medalha Final Combinada Masculina

Sexta-feira, 6 de agosto, 5:30 – 10:20

  • Final Combinada Feminina – Speed
  • Final Combinada Feminina – Boulder
  • Final Combinada Feminina – Lead
  • Cerimônia de Medalha Final Combinada Feminina