É OURO HISTÓRICO! Ana Marcela vence maratona aquática nas Olimpíadas de Tóquio

Por Redação

Mais Lidas

A baiana Ana Marcela Cunha conquistou o tão sonhado ouro na maratona aquática das Olimpíadas de Tóquio com 1:59:30.08 de prova. A brasileira manteve um excelente desempenho durante toda a prova e deu o gás necessário para a vitória na reta final do circuito.

Ana Marcela é a primeira brasileira a conquistar o ouro na maratona aquática em uma Olimpíada.

O segundo lugar ficou com a holandesa Sharon Van Rouwendaal, que levou o ouro na Rio-2016, com 1:59:31.7. O bronze foi para a australiana Kareena Lee com 1:59:32.5 de prova.

Nadando em águas a uma temperatura em torno dos 29°C/30°C (próximo à temperatura limite de realização da prova de 32°C), as 25 atletas da maratona aquática iniciaram a prova às 6:30 da manhã em Tóquio no Odaiba Marine Park.

04.08.2021 – Jogos Olímpicos Tóquio 2020 – A atleta Ana Marcela Cunha durante a prova de maratonas aquáticas Odaiba Marine Park em Tóquio – Imagem: Jonne Roriz/COB

O percurso de 10 km foi feito em 7 voltas de cerca de 1.430 metros. Como o circuito da prova tinha mais voltas que o comum, o grupo se compactava facilmente, sem um pelotão muito diluído.

Leia mais

+ Guia das Olimpíadas: tudo sobre a maratona aquática

+ Surf e skate estão entre as maiores audiências das Olimpíadas

A brasileira Ana Marcela Cunha já estava nos primeiros lugares do pelotão nos minutos iniciais da prova. Ela chegou a ficar no primeiro lugar após cerca de 1 hora de competição.

Até a 5ª volta, as atletas tiveram um desempenho mais conservador, sem brigar fortemente pela liderança do pelotão – estratégia comum entre a maioria das nadadoras. No último quarto da maratona, algumas atletas começaram a atacar as primeiras posições.

A norte-americana Ashley Twichell manteve a liderança em boa parte da prova, mas em cerca de 1h31, foi ultrapassada pela alemã Leonie Beck. Ana Marcela também brigou para ficar nos primeiros lugares no início da reta final.

A holandesa Sharon Van Rouwendaal, que levou ouro na maratona aquática da Olimpíadas do Rio em 2016, foi outra que se destacou na reta final da prova e buscou as primeiras posições, ultrapassando Ana Marcela em alguns momentos.

As últimas duas voltas da prova foram marcadas pela briga dos primeiros lugares entre Leonie Beck, Ana Marcela, Ashley Twichell e Sharon Van Rouwendaal. A australiana Kareena Lee também apareceu na reta final.

04.08.2021 – Jogos Olímpicos Tóquio 2020 – A atleta Ana Marcela Cunha durante a prova de maratonas aquáticas Odaiba Marine Park em Tóquio- Imagem: Jonne Roriz/COB

A espanhola Paula Ruiz Bravo levou uma bandeira amarela aos cerca de 15 minutos de prova, assim como a equatoriana Samantha Arevalo aos 58 min. A chinesa
Xin Xin, que estava entre as primeiras posições, também levou a sinalização no início da última volta.

Últimas Notícias