Afinal, você pode fazer musculação e em seguida aeróbico, ou ao contrário? De fato, um treino cardio curto e de intensidade moderada antes da musculação pode ajudar a maximizar a produção de testosterona. Teoricamente, isso significa que você obterá mais energia durante a sessão e terá uma recuperação mais suave e rápida.

Um novo estudo, no entanto, constata que os atletas que iniciam seus treinos com aeróbico e terminam com musculação podem demorar um pouco mais para se recuperar entre as sessões – apenas nas primeiras semanas de um plano de exercícios. Mas, a longo prazo, parece que a ordem dos seus treinos não importa.

Pesquisadores da Universidade de Jyväskylä, na Finlândia, colocaram os participantes em um plano de exercícios duas ou três vezes por semana, que consistia em treinamento cardio-força e vice-versa, por 24 semanas. Como a atividade aeróbica prolongada pode reduzir a capacidade de levantar cargas pesadas, eles esperavam que a força e a massa muscular fossem comprometidas no grupo cardio-primeiro.

+ Dormir ou fazer exercício: qual é mais importante?
+ Três segredos para elevar a sua performance no esporte

No grupo que fez cardio primeiro, os pesquisadores identificaram concentrações reduzidas de testosterona por até dois dias mais tarde, o que pode ser prejudicial para o crescimento muscular e subsequente reparação.

Mas eis a questão: na marca de 12 semanas, essa pequena diferença entre os grupos desapareceu. E até o final do estudo, todos os participantes aumentaram seu desempenho físico e tamanho muscular em aproximadamente as mesmas quantidades.

Segundo Moritz Schumann, Ph.D. candidato e co-autor do novo estudo, não há nada de errado com em fazer os dois treinos no mesmo dia. “As pessoas geralmente lutam para se comprometer com várias sessões de exercícios por semana”, diz ele. “Combinar cardio e força em uma sessão de treinamento pode economizar muito tempo, o que, por sua vez, pode facilitar o desempenho regular”.

A longo prazo, não importa se você faz musculação ou cardio primeiro, diz Schumann; nossos corpos parecem se adaptar igualmente a qualquer tipo de treino. Mas, acrescenta, se você planeja se exercitar mais de dois a três dias por semana, é aconselhável evitar corridas mais longas ou passeios de bike antes de fazer seu treinamento de força. “A atividade aeróbica primeiro pode ser simplesmente fisiologicamente mais exigente, pelo menos no início do treino”, diz ele.

Conclusão: combinar exercícios é bom, e a ordem do seu treino deve ser uma questão de preferência pessoal. No entanto, lembre-se de que fazer uma longa sessão de cardio antes da musculação pode atrasar um pouco o tempo de recuperação.

-Publicidade-