Dois ciclistas morrem e outros três ficam gravemente feridos após atropelamento em massa em prova nos EUA

Por Redação

ciclistas atropelamento
Foto: Reprodução / Ionia County Sheriff.

Dois ciclistas morreram e outros três ficaram gravemente feridos após um automóvel colidir de frente com eles durante o percurso da prova de três dias Make-A-Wish, em Michigan (EUA).

“Algumas pessoas maravilhosas, que tinham corações de ouro e estavam andando 300 milhas para arrecadar dinheiro para crianças, se foram devido a uma pessoa imprudente, que fez escolhas horríveis hoje”, escreveu Rob Casalou, participante do evento, nas redes sociais.

+ Lulu5 Outside: dicas para começar a pedalar com segurança
+ Uso de bikes compartilhadas é alternativa para desafogar o trânsito em SP, aponta estudo
+ As 10 melhores dicas para começar a pedalar

Às 11h15 horas do último sábado (30), o xerife do condado de Ionia recebeu uma chamada de emergência envolvendo o atropelamento de ciclistas. Ele foi imediatamente ao local, onde testemunhou “um incidente com vítimas em massa”, de acordo com um comunicado de imprensa.

A investigação determinou que cinco ciclistas experientes, todos da mesma equipe, haviam sido atingidos por um automóvel que cruzou a faixa central ao tentar ultrapassar outro veículo, pegando o grupo de ciclistas de frente e em alta velocidade.

O impacto feriu gravemente todos os ciclistas, com um óbito declarado no local. Outro foi levado por um helicóptero de resgate para o hospital, mas também morreu devido aos ferimentos graves.

As três vítimas restantes foram transportadas por ambulância terrestre para hospitais, com uma agora em coma induzido. Os nomes dos ciclistas envolvidos no atropelamento não foram divulgados.

O motorista do automóvel foi avaliado pela polícia e acabou preso por dirigir embriagado e ocasionando mortes. Seu nome também não foi divulgado, de acordo com um comunicado do xerife.

Os ciclistas estavam participando da Make-A-Wish / Wish-A-Mile Ride, um evento de ciclismo de 300 milhas (482 km) para levantar fundos para ajudar crianças com doenças terminais. A prova arrecadou mais de US$ 1,8 milhão (cerca de R$ 9,4 milhões) este ano.

“Nossa equipe e toda a família Make-A-Wish estão com o coração partido e oferecem nossa mais profunda simpatia pelos ciclistas envolvidos, seus entes queridos e todos os membros da comunidade Wish-A-Mile (WAM) neste momento”, postou o grupo nas redes sociais.

Além disso, a Make-A-Wish cancelou o evento em respeito aos ciclistas tragicamente mortos no sábado e está oferecendo aconselhamento de luto aos participantes.

-Publicidade-