Shaun White se aposenta das competições após Olimpíadas de Pequim

Shaun White se aposenta
Um dos maiores nomes do snowboard vai se aposentar depois de Pequim 2022 - Foto: Shutterstock

Um dos maiores nomes da história do snowboard afirmou que vai se aposentar depois das Olimpíadas de Pequim. Tricampeão olímpico, Shaun White declarou, neste sábado, que este é o último evento competitivo da sua carreira.

+ Japonesa de apenas 17 anos brilha e vai à final do snowboard em Pequim 2022
+ Tem Brasil na neve neste domingo (6) em Pequim; veja os horários
+ Guia dos Jogos de Inverno: tudo sobre o snowboard em Pequim

O californiano de 35 anos está na sua quinta disputa dos Jogos de Inverno e dominou o halfpipe por mais de uma década. Em sua coleção de títulos, White conta com 18 medalhas no X-Games. Além disso, em Olimpíadas, conquistou ouro nos Jogos de Turim 2006, Vancouver 2010 e PyeongChang 2018.

Para essa edição, o snowboarder conseguiu a classificação há poucos dias, em Laax, na Suíça, e logo depois anunciou que esta será a última competição que irá participar.

A decisão foi tomada principalmente por questões físicas. Atualmente, White lida com problemas nos tornozelos, joelhos e nas costas, que ele foi considerando “pequenos sinais” ao longo dos últimos meses.

Neste domingo, o americano fará o primeiro treino em Pequim. A classificatória do halfpipe começa na próxima quarta-feira, dia 9. O snowboarder se vê competitivo, mas também prefere aproveitar cada pequena experiência da sua última Olimpíada de Inverno.

“Estou tão empolgado com absolutamente tudo. A cerimônia de abertura foi incrível. A venue parece incrível. Estou apenas aproveitando cada momento”, afirma ele.

A pausa Shaun White

Após o seu terceiro título olímpico em PyeongChang 2018, Shaun White decidiu não participar de mais nenhuma competição de snowboard. “Geralmente eu tiro todo o ano depois dos Jogos Olímpicos para esfriar a cabeça,” disse ele para a NBC, em 2018.

No entanto, a pausa que era para ser de apenas um ano, acabou se tornando três. Durante este hiato, ele cogitou participar de Tóquio 2020 no skate, já que ele conseguiu algumas medalhas nos X Games de verão. “Os Jogos de Inverno foram incrivelmente desafiadoras todas as vezes em que competir. Mas é difícil comparar com os Jogos de Verão. Acho que poderei responder melhor a essa questão daqui a um ano,” afirmou White para o jornal O Globo quando participou de um torneio no Brasil, em 2019.

No fim das contas, a vaga no skate acabou não acontecendo e essa resposta ficou no ar. No entanto, um dos maiores nomes do esporte mundial se despede da carreira profissional em um palco à sua altura.

-Publicidade-