Saiba como começar a reduzir o uso de plástico no dia a dia

Saiba como começar a reduzir o uso de plástico no dia a dia
Foto: Freepik

O lixo plástico é destrutivo para o planeta e todos os seus habitantes. Mas como você pode reduzir o uso de plástico quando recipientes, embalagens e outras coisas plásticas nos cercam todos os dias? “Eu encorajo as pessoas a pensarem no que podem fazer e não se desencorajarem pelo que não podem fazer”, diz a ativista Sandra Ann Harris, autora de Say Goodbye to Plastic e fundadora da ECOlunchbox.

+ Segunda sem carne: como reduzir o consumo de animais

+ Kami Rita Sherpa escala o Everest pela 26ª vez e quebra o próprio recorde mundial

+ Recifes de coral podem sumir em 30 anos, aponta novo estudo

O plástico é tão difundido que é quase impossível viver 100% livre de plástico, mas você pode reduzir significativamente a impressão do plástico em sua própria vida e no planeta. Harris compara a viagem a um GPS em seu carro: ele aponta a direção certa e ajuda você a se aproximar do seu destino. “Não se trata de perfeição”, diz ela. “Trata-se de sempre tentar fazer a melhor escolha possível no momento.”

Alguns fatos tristes sobre o plástico

  • O plástico produzido em todo o mundo a cada ano pesa 300 milhões de toneladas – o mesmo que o peso de toda a população humana;
  • 91% do plástico não é reciclado;
  • Os saquinhos descartáveis usados em todo o mundo em apenas um ano, se unidos de ponta a ponta, dariam uma volta na Terra 4.200 vezes;
  • No ritmo em que estamos, o plástico em nossos oceanos pesará mais que os peixes em 2050.

Como reduzir o uso de plástico

Harris recomenda uma abordagem gradual:

  • Esteja atento aos plásticos que você está usando;
  • Identifique quaisquer coisas simples que você possa trocar, como usar recipientes de vidro ou aço inoxidável com tampas de silicone para armazenar alimentos, uma sacola reutilizável para mantimentos ou utensílios reutilizáveis para comida para viagem que você come em casa;
  • Para uma limpeza maior, trabalhe em uma sala de cada vez. Digamos que você comece pelo banheiro. Passo a passo, mude para uma escova de dentes de bambu; fio dental feito de seda biodegradável, pastilhas de pasta de dentes e antissépticos bucais; e sabonete, shampoo e condicionador em barras em vez de garrafas plásticas. Experimente para encontrar seus favoritos.

Não se esqueça do ‘plástico escondido’

O isopor é obviamente algo a não ser utilizado, mas copos de café de papel e recipientes de comida não são tão ecológicos quanto você imagina. O interior de ambos é normalmente revestido com plástico para evitar que o líquido penetre. E as instalações de reciclagem não estão equipadas para lidar com esses materiais combinados, diz Harris.

Embora haja pesquisas em andamento para desenvolver revestimentos compostáveis para xícaras de café de papel e haja esforços para melhorar a reciclagem, o problema não foi resolvido. Enquanto isso, tente estas alternativas:

  • Para bebidas, use seu próprio copo reutilizável, a menos que as regras de saúde pandêmicas o proíbam;
  • Para comida para viagem, traga seu próprio recipiente de vidro ou aço inoxidável com tampa de silicone.

No caso de comida para viagem com preço por peso, peça à loja que pese o seu recipiente vazio e lhe dê um adesivo ou nota com o peso do recipiente vazio, que deve ser descontado para que você seja cobrado apenas pela comida.

A mudança para uma vida sem plástico pode dar um trabalho, diz Harris, “mas pode ser uma jornada muito alegre e um esforço criativo”.

-Publicidade-