Brasileira faz cume de 7.126 metros no Nepal

Por Redação

Maria Tereza Ulbrich
Maria Tereza Ulbrich durante a expedição ao Himlung. Foto: Reprodução / AltaMontanha.

Ao lado de três alpinistas islandeses, a brasileira Maria Tereza Ulbrich alcançou nesta quinta-feira (4) o topo do Himlung, montanha de 7.126 metros localizada no Nepal.

+6.500: Brasileira pretende escalar as 13 maiores montanhas dos Andes
+ Primeira expedição ao Monte Everest completa 100 anos

+ K2: Um ângulo inédito da montanha mais mortal do mundo

Em condições difíceis, com muito vento, Maria Tereza realizou o feito sem a ajuda de sherpas. Foi apenas a oitava montanhista ocidental a alcançar o cume do Himlung nesta temporada.

Outro brasileiro na expedição, Luís Cavalieri desistiu do ataque por causa das baixas temperaturas. Ele conseguiu descer a tempo de retornar ao acampamento com um helicóptero.

“O vento de hoje congelou muita gente. Um indiano foi resgatado e está no hospital. Eu vi as mãos e o rosto dele, estava horrível. Houve mais gente com congelamentos. Foi extremo”, relatou Cavalieri ao site AltaMontanha.

Essa foi a primeira montanha acima dos 7 mil metros de Maria Tereza, que já tem no currículo 23 montanhas acima de 6 mil metros.

Em outubro deste ano, Pedro Augusto Hauck Silva e Thiago Lopes Melo já haviam escalado o Himlung, montanha que foi aberta para escalada recentemente pelo governo do Nepal e fica localizada entre o Manaslu e o Annapurna.

Enquanto Luis Cavalieri está a caminho de Kathmandu e deve retornar ao Brasil em breve, Maria Tereza Ulbrich ficará no Nepal até dezembro, onde vai guiar um trekking ao acampamento base do Everest.

-Publicidade-