Com torcida ao lado, Avancini sonha com títulos na Copa do Mundo de MTB

Avancini disputa em Petrópolis as provas de short track e cross country olímpico. Foto: Michele Mondini.

Entre os dias 8 e 10 de abril ocorrerá em Petrópolis, Rio de Janeiro, a primeira etapa da temporada 2022 da Copa do Mundo de MTB. O evento volta a acontecer no Brasil depois de 17 anos.

A grande maioria dos ciclistas que participarão da prova nunca competiram uma etapa da Copa do Mundo no Brasil. Dentre eles Henrique Avancini, que ocupa a 7ª colocação do ranking da UCI (União Ciclística Internacional).

Leia mais

+ Henrique Avancini: a arte do método próprio

+ Copa do Mundo: Petrópolis será a capital mundial do MTB neste final de semana

+ Veja quem foram os vencedores do Banco Master Rocky Mountain Games

Maior nome do ciclismo brasileiro, Avancini já foi campeão mundial na categoria maratona (XCM), vice-campeão mundial no short track (XCC) ano passado, ganhou etapas da Copa do Mundo e outros títulos internacionais nos últimos anos, além de somar 19 conquistas de Campeonato Brasileiro e duas participações em Olimpíadas. Agora, competir no País uma etapa de Copa do Mundo, ainda mais em casa – o atleta é petropolitano –, é algo único e muito especial na carreira de Avancini, que deu foco total nos treinamentos para a competição nas últimas semanas.

“A Copa do Mundo se aproxima e me sinto bastante tranquilo com a preparação que eu fiz. Foi uma série de competições, de blocos de treinamento com uma estrutura um pouco diferente do que eu havia feito no passado. Aparentemente eu venho construindo uma boa velocidade, me sinto bastante preparado. Optei por nos dias anteriores a prova me concentrar um pouco mais para o evento especificamente, então escolhi não competir na semana anterior, inclusive não competir a Copa Internacional na mesma cidade, e assim otimizar o máximo o meu tempo de concentração, de preparação, voltados para os dias de prova, dias de competição para a Copa do Mundo”, diz o ciclista.

Torcida ao lado é visto como um diferencial pelo atleta, que nasceu em Petrópolis. Foto: Michele Mondini.

Avancini disputará em Petrópolis as provas de short track e cross country olímpico. A força de competir em casa, com toda torcida ao seu lado, é visto pelo atleta como um diferencial. Vencer as duas competições é objetivo do atleta.

“No geral, me sinto muito animado, muito honrado, muito grato por essa oportunidade, por essa conquista, e espero consagrar esse momento tão especial com uma performance incrível, melhor ainda se essa performance garantir a vitória para nós. O objetivo é bastante ambicioso, mas eu realmente acredito que seja possível entregar um grande resultado, buscar mais uma vitória no short-track, mais uma vitória no cross-country olímpico. Apesar disso ser considerado dois grandes desafios, é o que estamos sonhando, é pra isso que fiz o trabalho da forma como fiz. Vamos em frente, espero que o fator da arena, de ter toda energia e vibração das pessoas ao meu lado, faça uma grande diferença também”, finalizA Avancini.

Para disputar a etapa de Petrópolis da Copa do Mundo, a bike de Henrique Avancini (Cannondale Scalpel) foi totalmente customizada. A ação faz parte do projeto Pedaling for a Reason, iniciativa criada pelo atleta em parceria com o estúdio Black Tiger e a plataforma Semexe. Após a competição, a bike será leiloada e a verba arrecadada será utilizada para promover curso de formação de mecânico para pessoas em vulnerabilidade social, além de outras iniciativas. O grafismo da bicicleta de Avancini para a prova foi inspirado em elementos locais de Petrópolis, como as colorações da árvore Ipê e da ave Maritaca, referências de fauna e flora da região.

Todas as etapas da Copa do Mundo de Mountain Bike são transmitidas pela Red Bull TV.

Programação:

Dia 8 de abril (sexta-feira)
XCC, a partir das 16h20 (horário de Brasília)

Dia 10 de abril (domingo)
XCO feminino, a partir das 11h (horário de Brasília), e XCO masculino, a partir das 14h15 (horário de Brasília)

-Publicidade-