Guarda civil morre ao fazer trilha de cachoeira em SP e mãe está desaparecida

Mãe e filho foram fazer a trilha da Cachoeira Véu da Noiva e Pedra do Elefante e se perderam

Resgate do corpo do GCM na cachoeira - Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

Um guarda civil foi encontrado morto em uma cachoeira depois de fazer uma trilha em Mogi das Cruzes, no fim de semana. O agente era do municipal de Itaquaquecetuba, cidade da Grande São Paulo, e estava acompanhado da mãe, que está desaparecida.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o guarda civil e a mãe saíram de casa na tarde do sábado (7) para fazer a trilha da Cachoeira Véu da Noiva e Pedra do Elefante, mas se perderam. Familiares estranharam que os dois não retornaram e acionar a corporação às 12h10 de ontem.

+ Mensagem em garrafa salva família presa em cachoeira
+ Jovem registra a própria queda em uma cachoeira no Havaí; veja o vídeo

Para as buscas, foram utilizadas três viaturas e o helicóptero Águia 10. O corpo do GCM, que não teve o nome divulgado, foi encontrado e retirado da cachoeira pela aeronave. A perícia foi acionada para determinar a causa da morte.

O caso foi registrado no 1º DP de Mogi das Cruzes e as buscas pela mãe continuaram nesta manhã. O homem tinha 43 anos e sua mãe tem 60 anos.