Avião aborta decolagem após passageiros receberem fotos de acidentes

Avião aborta decolagem após passageiros receberem fotos de acidentes
Imagens de acidentes aéreos distribuídas para passageiros causou pânico em voo da AnadoluJet. (Crédito: Wikimedia Commons)

Um avião que estava prestes a decolar em Israel teve o voo cancelado após alguns passageiros receberem fotos de acidentes aéreos, causando pânico a bordo. O incidente ocorreu terça-feira (10) no aeroporto Ben Gurion de Tel Aviv. O Boeing 737 da companhia AnadoluJet, subsidiária da Turkish Airlines, já estava taxiando quando 16 passageiros receberam as imagens em seus smarthphones.

+ Passageiro sem experiência pousa aeronave após piloto passar mal nos EUA (vídeo)

+ Caixas de som nas praias: litoral de SP fecha cerco contra o equipamento

+ Casas são engolidas pelo mar na Carolina do Norte

As fotos foram compartilhadas pelo AirDrop, serviço de compartilhamento de curta distância para dispositivos da Apple, e trazia imagens do acidente da Turkish Airlines ocorrido 2009 na Holanda, que causou a morte de nove pessoas, além de outro acidente aéreo que aconteceu nos Estados Unidos em 2013.

Assim que receberam as fotos, alguns passageiros informaram a tripulação e o comandante decidiu retornar ao terminal devido a confusão a bordo, incluindo um passageiro desmaiado e outro com crise de pânico.

Todos os passageiros tiveram que desembarcar do avião, assim como suas bagagens que foram revistadas. Nove passageiros com cerca de 18 anos e vindos de uma vila no norte de Israel foram detidos e podem ser condenados a três de prisão pelo ato interpretado como uma ameaça, além de divulgar informações falsas.

O voo da AnadoluJet decolou no mesmo dia após seis horas de atraso.

-Publicidade-