10 alimentos que vão te ajudar a perder peso com saúde

Por Isto É

perder peso
Lembre-se que mais importante do que perder peso é priorizar a saúde - Foto: shutterstock

Mais do que perder peso, é importante priorizar a saúde. Para isso, construir uma alimentação saudável pode melhorar a qualidade e a longevidade de vida.

+ 6 alimentos que aumentam a concentração

+ Alimentação consciente: 15 dicas para evitar exageros nas refeições

+ Melhor forma de comer abacate: Pasta proteica ao pesto de abacate

Quando atrelada a exercícios físicos, uma boa dieta pode trazer melhores resultados para a saúde e bem-estar físico. E se perder peso é o seu objetivo, confira essa lista com dez alimentos, que de acordo com a ciência, podem ajudar nessa empreitada E se perder peso é o seu objetivo, os dez alimentos a seguir podem te ajudar nessa jornada, de acordo com a ciência. As informações são do “Healthline” e publicadas pela IstoÉ.

Ovos

Foto: shutterstock

Embora a alta ingestão de ovos possa aumentar os níveis de colesterol LDL em algumas pessoas, eles são um dos melhores alimentos para se alcançar e manter um peso mais saudável. Por serem ricos em proteínas e gorduras, eles ajudam a manter a saciedade, evitando excessos de comida causados pela fome.

Além disso, os ovos são incrivelmente ricos em nutrientes, quase todos sendo encontrados nas gemas — como colina e vitamina D.  Já as claras fornecem cerca de quatro a seis gramas de proteína cada.

Folhas verdes

 

Foto: shutterstock

As folhas verdes incluem couve, espinafre, rúcula, acelga e outros. Eles possuem propriedades, como fibras e nutrientes, que favorecem a saciedade e a hidratação. Além disso, elas também possuem tilacóides, compostos vegetais associados ao melhor controle do apetite.

As folhas verdes são ricas em vitamina K, que pode interagir com alguns tipos de medicação. Por isso, se você estiver tomando medicamentos como anticoagulantes, converse com um profissional de saúde ou um nutricionista sobre a quantidade de folhas permitidas em sua dieta.

Salmão

Foto: shutterstock

O salmão é carregado de proteínas de alta qualidade, gorduras saudáveis ​​e outros nutrientes importantes.  Por ser rico em ácidos graxos ômega 3, o peixe pode ajudar a reduzir a inflamação — que desempenha um papel importante na obesidade e em doenças metabólicas.

Além disso, peixes e frutos do mar também podem fornecer uma quantidade significativa de iodo, nutriente necessário para o bom funcionamento da tireoide. Isso é importante para manter seu metabolismo funcionando de maneira ideal. Cavala, truta, sardinha, arenque, atum e outros tipos de peixes gordurosos também são excelentes para a saúde.

Vegetais crucíferos

Foto: shutterstock

Os vegetais crucíferos incluem brócolis, couve-flor, repolho e couve de Bruxelas. Esses vegetais contêm quantidades satisfatórias de proteína vegetal, fibras e baixo teor calórico, além de serem altamente nutritivos e conterem compostos que podem diminuir riscos de câncer.

Peito de frango e carnes magras

Foto: shutterstock

Peito de frango sem pele e carne vermelha magra — como lombo ou fraldinha — são repletos de proteínas e ferro, além de terem menos gorduras saturadas do que outros cortes. Portanto, se a carne faz parte da sua dieta, escolha essas opções na maioria das refeições para apoiar o controle de peso e a saúde do coração.

Batatas e outras raízes

Foto: shutterstock

Batatas e outras raízes contêm uma gama diversificada de nutrientes — um pouco de quase tudo o que você precisa. Elas são particularmente ricas em potássio, que desempenha um papel importante no controle da pressão arterial e que a maioria das pessoas não consome o suficiente.

Batata doce, nabo e outras raízes também são excelentes opções.

Feijões e leguminosas

Foto: shutterstock

Feijões e outras leguminosas como lentilhas, soja e grão-de-bico tendem a ser ricos em proteínas e fibras, dois nutrientes que promovem a saciedade.

No entanto, devido ao seu alto teor de fibras, o feijão pode causar gases e inchaço em algumas pessoas — efeitos colaterais que podem ser mitigados com preparos especiais. Por isso, opte por comprar os grãos secos (não enlatados) e deixá-los de molho por várias horas antes de prepará-los.

Abacate

abacate-768x512
Foto: shutterstock

Enquanto a maioria das frutas é rica em carboidratos, os abacates são repletos de gorduras saudáveis. Eles são particularmente ricos em ácido oleico monoinsaturado, o mesmo tipo de gordura encontrado no azeite. Apesar de serem gordurosos, os abacates também contêm muita água e fibras, tornando-os bastante saciantes.

Além disso, eles são um complemento perfeito para saladas, pois estudos mostram que seu teor de gordura pode aumentar a quantidade de antioxidantes carotenóides absorvidos dos vegetais pelo organismo. Eles também ajudam a absorver outras importantes vitaminas lipossolúveis (vitaminas A, D, E e K).

Nozes

Foto: shutterstock

As nozes são alimentos ricos em gordura que também fornecem proteínas, fibras, gorduras saudáveis e outros compostos vegetais que beneficiam a saúde do coração. Comer nozes pode melhorar a saúde metabólica e promover a perda de peso.

Pimenta caiena ou chili

Foto: shutterstock

Comer pimenta pode ser útil em uma dieta para perda de peso devido à capsaicina, uma substância que pode melhorar a rapidez com que seu corpo metaboliza a gordura e aumentar sua sensação de saciedade. A capsaicina é vendida também em forma de suplementos alimentares.

-Publicidade-