Aos 40 anos, Shalane Flanagan completa seis maratonas em seis semanas

Por Redação

Shalane Flanagan
Aposentada e perigosa: Shalane Flanagan corre todas as provas com tempo abaixo de três horas. Foto: Shutterstock.

Não é incomum que corredores de elite parem para descansar por algumas semanas depois de participarem de uma maratona exaustiva.

+ As curiosidades da Maratona de Nova York 2021
+ O hábito de correr mantém você jovem por mais tempo, diz pesquisa
+ Por que as mulheres dos EUA estão superando os homens na maratona

Dona de um currículo invejável na modalidade, a veterana norte-americana Shalane Flanagan, 40 anos, fez exatamente o contrário.

A medalhista olímpica de Pequim 2018 e campeã da Maratona de Nova York em 2017 decidiu completar seis das principais maratonas do mundo em um período de apenas seis semanas.

Com os eventos embolados no calendário por causa da pandemia de Covid-19, Flanagan viu a oportunidade de realizar o desafio extraordinário.

E ela decidiu tentar correr todas elas – Berlim, Londres, Chicago, Boston, Tóquio e Nova York – em menos de três horas cada.

Para Berlim e Londres, Flanagan – que se aposentou da corrida profissional há alguns anos – precisou viajar cerca de milhares de quilômetros com seu filho pequeno.

Ela ainda administrou Chicago e Boston em dias consecutivos. Como os organizadores acabaram cancelando a corrida de Tóquio, Flanagan correu uma maratona sozinha perto de sua casa no Oregon para compensar.

Seu tempo mais lento foi em Chicago, no qual ela completou em 2 horas 46 minutos e 39 segundos. Ela também terminou três corridas em menos de 2:40, incluindo três tempos extremamente rápidos: 2:33:34 em Nova York, 2:35:04 em Londres e 2:35:14 em Portland.

Flanagan, que passou por duas cirurgias reconstrutivas no joelho, finalmente completou o desafio em um lugar que conhece bem, as ruas de Nova York. Depois do último evento, ela falou sobre a conquista.

“Eu sabia que o dia de hoje (Nova York) seria meu favorito, mas eu não tinha ideia do quanto isso encheria meu coração. Nas últimas semanas voltei a me apaixonar pela corrida e pela maratona”, diz.

“Mas nada poderia ter me preparado para o que sinto hoje. Foi o meu mais rápido. Foi o meu mais engraçado. Era meu favorito. Que é exatamente o que eu queria”, postou a norte-americana logo após completar seu último desafio.

Os tempos de Shalane Flanagan

26/09 – Berlim, Alemanha – 2h38m32s
03/10 – Londres, Inglaterra – 2h35m04s
10/10 – Chicago, Estados Unidos – 2h46m39s
11/10 – Boston, Estados Unidos – 2h40m34s
17/10 – Portland, Estados Unidos – 2h35m14s
07/11 – Nova York, Estados Unidos – 2h33m34s

-Publicidade-