Passageiro é multado em R$ 10 mil por tentar entrar com lanche do McDonald’s na Austrália

Passageiro é multado em R$ 10 mil por tentar entrar com lanche do McDonald’s na Austrália
Foto: Passageiro é multado em R$ 10 mil por tentar entrar com lanche do McDonald’s na Austrália (Foto: iStock)

Um dos passageiros a bordo de um voo procedente da Indonésia e com destino à cidade de Darwin, localizada no extremo norte da Austrália, foi multado em quase US$ 2 mil (R$ 10,4 mil) por tentar entrar no país com um lanche do McDonald’s e um croissant.

+ Aneurisma cerebral: cerca de 3% a 5% das pessoas têm o problema

+ Kalalau Trail: uma jornada pela trilha mais perigosa do Havaí

+ Pedro Scooby rompe ligamentos do joelho em Jaconé

A comida estava escondida na bagagem do viajante e foi detectada por um cão farejador após o passageiro desembarcar, disseram as autoridades. “Esse será o lanche do McDonald’s mais caro da vida deste passageiro”, afirmou o ministro da Agricultura, Murray Watt, segundo reportagem da France Presse.

Para muitas pessoas, a multa imposta ao viajante por causa de dois lanches pode parecer exagerada. A Austrália, no entanto, tem regras muito severas para a entrada de alimentos, animais e plantas – e essas restrições são informadas a todos que viajam ao país.

As medidas rigorosas têm o objetivo de impedir que pragas e doenças presentes em outros países causem prejuízos à agricultura e à pecuária australianas. No momento, os fiscais estão em alerta máximo por causa de um surto de febre aftosa relatado na Indonésia e que pode entrar na Austrália por meio de viajantes.

-Publicidade-