Nascida para escalar

NO BOULDER: Amanda, a pequena grande escaladora

Em novembro, a gaúcha Amanda Criscuoli Tavares , em Farroupilha (RS), fez história ao escalar uma via de escalada esportiva de graduação 8a (“Celulite Abdominal”).

“Foi incrível, entrei para aquecer escalando até a terceira costura, mas me senti bem e toquei até o final”, declarou.

Segundo o pai de Amanda, Deivis Tavares, que incentiva e registra em fotos e vídeos a evolução dela na escalada, a filha está no esporte desde os 3 meses de idade. “Mas ela escala com mais frequência, treinando e viajando, com objetivos, desde os seis”, diz Deivis.

Ele e a mulher, Fabiane Criscuoli, mãe de Amanda, escalam há mais de 15 anos, e por isso foi algo natural ela se apaixonar rapidamente pela escalada. “Apesar de termos nossos trabalhos, sempre acompanhamos e incentivamos a Amanda em treinos e projetos”, explica Deivis.

2016 foi um ano de resultados para a menina: em abril, ainda com 9 anos, se tornou a mais jovem escaladora brasileira (entre homens e mulheres), a escalar uma via de 7º grau. E, no mês passado, aos10, também foi a mais jovem brasileira a concluir uma escalada de graduação 8a. Sem contar que vem se destacando em campeonatos estaduais e nacionais de boulder e escalada de dificuldade.

A seguir, o vídeo de sua escalada na via “Celulite Abdominal” (8a):

https://www.youtube.com/watch?v=mK67O21pIHE

-Publicidade-