Como planejar seus objetivos de treino para 2021

Por Alexandre Maximiliano, sócio da Start Assessoria Esportiva

objetivos de treino

Já estamos no final do ano, hora de olhar para frente e traçar as metas para 2021. O primeiro passo é definir onde você quer chegar. Sem objetivos de treino, corremos o risco de entrar em uma zona de conforto e ver a motivação ir embora. Sempre que um novo aluno começa a treinar em minha assessoria, logo pergunto: “Qual seu objetivo com a corrida? Quais suas provas alvo em curto, médio e longo prazo?”. Se o aluno tem dúvidas, chegamos juntos a essas definições.

Leia mais:
+ 7 dicas profissionais manter o foco e motivação para treinar todos os dias
+ Como os exercícios podem ajudar a manter o foco no trabalho

Este ano foi fora da curva: provas canceladas, períodos de quarentena em que muitas planilhas tiveram que ser interrompidas e necessidade de adaptar e rever metas e objetivos.

O planejamento, o comprometimento e a disciplina são os fatores que nos ajudam a atingir as metas, mas para isso devemos estabelecer objetivos tangíveis. Não adianta buscar um desempenho de queniano se você é um atleta amador; isso só vai gerar frustração e desmotivação. A meta deve ser possível mas desafiadora, e decidir isso com ajuda de um profissional que faça uma avaliação é a melhor forma de evitar frustrações.

Para planejar o próximo ano de treinos, faça uma periodização dividindo o ano (macrociclo) em quatro trimestres (mesociclos). E, em cada mesociclo, inclua uma meta. Estes ciclos vão ajudar você a chegar em objetivos de treino maiores, como sua prova-alvo.

No primeiro mesociclo faça um trabalho de base, com muitos treinos em subidas, na areia e até de musculação com mais carga, priorizando sempre o volume de treinamento.

No segundo mesociclo, inclua algumas provas no calendário, mas sem a cobrança de um pico de performance. Nessa fase, já devemos incluir mais treinos intervalados e reduzir os de força, fazendo apenas uma manutenção. Você também pode incluir nesse mesociclo algumas provas de montanha para finalizar essa etapa do treinamento (isso se sua meta for uma prova no asfalto, assim você deixa buscar a especificidade de treinar no plano para os próximos meses).

No terceiro mesociclo, devemos atingir o ápice do treinamento e as metas traçadas no início do planejamento. Se você começou seu macrociclo em janeiro, essa fase irá do meio do ano até meados de setembro, quando o clima costuma ser ameno – o que favorece a performance e é ideal para treinar.

O quarto mesociclo é para manutenção e descanso. Você pode investir em outras atividades para manter o condicionamento e descansar da rotina de treinos, mas, em casos de cansaço extremo, recomenda- se o repouso total.

O foco na meta a ser alcançada é muito importante e, às vezes, para se atingir um objetivo, temos que abandonar alguns hábitos, mesmo que temporariamente. Lembre sempre de sua meta e pense no quanto ficará feliz em cruzar sua linha de chegada pessoal. Seja perseverante, pois tudo isso faz parte de um amadurecimento pessoal. E, assim que alcançar sua meta, faça novos planos. Vá atrás de nossos objetivos, pois são eles que dão sentido à vida.