Tudo pela ciência

O norte-americano Chris Sharma está acostumado a escalar algumas das paredes rochosas mais difíceis do mundo. Durante uma visita à floresta de sequoias de Santa Cruz, na Califórnia, onde cresceu, Chris teve uma ideia diferente. "Pensei que seria um desafio novo usar as técnicas de escalada para subir até o topo das árvores", diz ele. O escalador se aliou a pesquisadores da região para realizar uma escalada de maneira não-danosa às árvores, aproveitando para auxiliá-los em suas pesquisas biológicas. "A Califórnia vem passando por um longo período de seca, e queremos saber como a floresta está reagindo a isso", explicou um dos cientistas, após colher amostras da parte de cima de uma das sequoias e medir seus impressionantes 77 metros de altura.

Confira o interessante trabalho de Chris e da equipe de biólogos no vídeo a seguir:

-Publicidade-