O outro cara


Praticamente um desconhecido fora dos limites do Yosemite, Graham Hunt foi um escalador e base jumper realizado (Foto: Fred Pompermayer)

O norte-americano Dean Potter foi uma figura de destaque no mundo dos esportes ao ar livre. Um aerialista nato, que começou na escalada e depois inovou em esportes de altitude como o highline e o base jump. Portanto, quando foi dada a notícia de que Dean tinha morrido, seu amigo, Graham Hunt (1985-2015), morto no mesmo salto, foi simplesmente reduzido ao “outro cara que estava com ele”.

Graham tinha 29 anos de idade e era praticamente um desconhecido fora do Yosemite e longe da comunidade de escaladores e base jumpers. Uma pessoa verdadeiramente desinteressada na autopromoção, apesar dos feitos heroicos em que já esteve envolvido.

Quem o conhecia, no entanto, como slackliner Andy Lewis, sabia de sua importância. Até os vinte anos de idade, Graham evoluiu rapidamente na escalada treinando em ginásios. Em qualquer esporte que se metia a fazer, dava o seu melhor. Foi um dos motivos que ele e Dean provavelmente viraram comparsas de grandes aventuras pelo vale californiano.

Genuíno e carismático, Graham era conhecido pelos abraços sinceros e por motivar crianças nas áreas de boulder. Ele já havia trabalhado como bombeiro e carpinteiro, e costumava fazer bicos ao redor do Yosemite, ajudando inclusive a limpar as instalações do parque.

Graham ficou bom em voar de wingsuit, realizando saltos noturnos, sozinho ou com amigos como Dean, que o consideravam um irmão. Sem contar que Graham já foi coadjuvante de feitos de Dean. Quando o ilustre esportista voou a maior distância de wingsuit (6,5 km), decolando do Eiger, na Suíça, no verão de 2013, Graham estava junto.

Fica aqui registrado nosso mais profundo respeito a este cara que será eterno coadjuvante para a história, mas que sabia levar a própria vida no papel principal. No vídeo a seguir, Graham fala sobre seu mentor Sean “Stanley” Leary, que havia acabado de morrer em um acidente de base jump no Parque Nacional de Zion, em 2014.

-Publicidade-