Impressões aéreas

O italiano Marco Litame foi o campeão da primeira etapa da Copa do Mundo de Parapente, que rolou na semana passada em Baixo Guandú (ES). O venezuelano Ally Palencia ficou com a segunda colocação, seguido pelo suíço Urs Schoenauer. Frank Brown foi o brasileiro mais bem colocado, com um 11º lugar.

Entre as mulheres, a polonesa Klaudia Bulgakow garantiu o título por antecipação –antes da realização da última prova. As japonesas Ito Yayoi e Nao Takada ficaram com o segundo e o terceiro lugares, respectivamente.

Na disputa por países, o Brasil foi o terceiro colocado, atrás da campeã, Suíça, e da vice, Noruega.

Faz tempo que o Brasil é reconhecido como um dos melhores lugares do mundo para a prática do voo livre. Desde as condições extremas do sertão do nordeste, propícias para as quebras de recordes de distância, até os voos tranquilos à beira da praia, o país tem boa diversidade e condições durante o ano todo, o que atrai pilotos de diversas partes do mundo. Para esta etapa de abertura do circuito mundial 2015, 125 voadores, de 26 países diferentes, passaram por aqui.

Pela primeira vez na história, uma etapa da Copa do Mundo tem um total de sete provas realizadas. Mais do que isso, sete dias com condições clássicas. Ao todo, cada atleta voou mais de 550 km, e disputas foram bem acirradas.

A próxima etapa da Copa do Mundo de Parapente de 2015 será realizada em Montalegre, Portugal, entre os dias 11 e 18 de julho. Confira no vídeo acima o que de melhor rolou na competição por aqui.

-Publicidade-