No fundo do poço


NA BUSCA: Preparado para a descida (FOTO: Vladimir Pushkary)

Em novembro, um grupo de pesquisadores desceu até o interior de uma misteriosa cratera na Península Yamal, no norte da Sibéria. A intenção da equipe de cientistas foi coletar material para tentar descobrir o que originou a formação deste enorme buraco, em julho deste ano.

Inicialmente, pensava-se que o fenômeno tivesse ligação com a exploração de combustíveis fósseis que acontece pela região. Depois, outras hipóteses foram levantadas, como explosões de gás xisto devido ao aquecimento global e a colisão de um meteorito.

Ainda deve levar um tempo até que seja descoberto o verdadeiro motivo que originou este buraco. Enquanto isso, a península de Yamal chama a atenção pela série de ocorrências inexplicáveis, que vão do aparecimento de crateras a aparições do abominável homem das neves.


(Fonte: theguardian.com)

-Publicidade-