Solidão e natureza no Yukon canadense

CALORENTO: Apesar de fazer muito frio, amo o inverno do Yukon (Foto: Bruno Augsburger)

Desde que o fotógrafo suíço Bruno Augsburger descobriu o território do Yukon canadense, em 2000, seu objetivo tem sido passar o máximo de tempo possível ali. Seu novo livro, Out There, é um relato visual dos meses que ele passou sozinho e isolado em uma cabana, imerso na natureza do lugar.

Você pode conferir algumas das belíssimas imagens na galeria acima e conhecer mais detalhes do livro no site do artista.

-Publicidade-