De Fusca até o sertão

SOLITUDE: O céu e o silêncio do sertão (Foto | Marcius Clapp/ via Caravana Time Lapse)

Já perdemos as contas de quantos vídeos em time lapse publicamos aqui no site – a grande maioria feita sob cenários naturais da Islândia ou de algum outro país próximo ao polo, onde a aurora boreal colore o céu.

Também em time lapse, mas numa paisagem bem diferente das luzes da aurora, é o filme Mandacaru (assista abaixo). Produzido pelo diretor de fotografia Marcius Clapp, o vídeo contém imagens captadas durante uma viagem feita entre o Rio de Janeiro e o sertão do Ceará a bordo de um Fusca ano 1994 .

“Foram mais de 2.700 quilômetros só de ida”, relata Marcius. “Viajamos durante três dias, percorrendo em média 900 quilômetros por dia, o que dava em torno de 14 horas por dia em frente à direção”.

O Fusca quebrou e, por si só, a viagem foi uma grande aventura (o relato completo você pode ler na descrição do vídeo publicado no Vimeo)

Todo o perrengue, no entanto, foi compensado pelo Sertão do Inhamuns (CE), onde a baixa umidade do ar e a ausência de poluição torna o lugar um dos melhores pontos de observação do espaço. Este belo vídeo a seguir comprova isso.

-Publicidade-