Na corda bamba (de novo)


(Fonte: Outside online)

No último domingo (dia 2 de novembro), quase 50 mil pessoas estiveram nas proximidades de dois arranha-céus de Chicago, com 180 metros de altura e 204 metros, para acompanhar mais uma das incríveis façanhas do equilibrista norte-americano Nik Wallenda.

Aos 35 anos, ele cruzou os dois edifícios, cujo ângulo de inclinação entre eles é de 19 graus, numa caminhada sobre uma fita de 138 metros de comprimento, que durou menos de sete minutos. Lá no alto, Nik ainda andou 28 metros com os olhos vendados até alcançar a outra torre. Ao concluir o desafio, televisionado ao vivo pelo Discovery Channel, ele inclui dois recordes mundiais em sua conta, pela primeira travessia com inclinação e o percurso com os olhos vendados.

Nik vem de uma família circense. Seu bisavô, Karl Wallenda, é um lendário equilibrista, que morreu durante uma apresentação em Porto Rico, aos 73 anos. Essa não é a primeira vez que Nik se arrisca assim: em junho do ano passado, ele também atravessou, com sucesso, uma fita presa nas Cataratas do Niágara, na América do Norte.


(Fonte: The Guardian)

-Publicidade-