Brasil do surf


EM SUNSET: Caio mostrando que ondas grandes não o intimidam (Foto/ via Facebook)

Gabriel Medina não é o único surfista brasileiro com chances de ser campeão mundial ainda neste ano. Depois de quatro etapas, o carioca Caio Vaz é o atual vice-líder do ranking mundial de stand-up paddle nas ondas. Na quinta e última fase, que acontecerá a partir do dia 25 de outubro em La Torche, na França, ele pode virar o jogo e se tornar o campeão mundial de stand-up wave.

A missão não será fácil. Durante o campeonato La Torche Pro, Caio terá que ser melhor do que o havaiano Kai Lenny, tricampeão mundial da modalidade. Mas as chances são reais: o brasileiro é um atleta em ascensão na modalidade e, só neste ano, ganhou duas etapas do circuito mundial, a de Sunset (Havaí) e a do Brasil.

Ao contrário do surf tradicional, o Brasil já tem um título mundial no stand-up paddle, conquistado em 2012 pelo santista Leco Salazar.

Para ficar na torcida por Caio, fique ligado no site da Waterman League (watermanleague.com) a partir da próxima semana.

-Publicidade-