Câmera versus urso

O fotógrafo britânico de natureza Chris Weston esteve recentemente no Alasca para registrar os ursos pardos da Península de Katmai.

No geral, a expedição foi um sucesso. Exceto por uma câmera de bordo que ele tinha deixado no tripé para registrar mais de perto o comportamento desses animais. Provavelmente atraído pela luz vermelha piscante, o urso atacou o objeto. Ursos pardos têm uma força enorme nas mandíbulas, mas por sorte a camerazinha sobreviveu, e Chris pode compartilhar esses momentos conosco.

Ele estava acompanhado de uma amiga pesquisadora, que forneceu as imagens adicionais do vídeo a seguir — ambos estavam a menos de 150 metros do ataque à câmera.

Mas quem mais deve ter curtido isso foi a marca GoPro pelo excelente marketing espontâneo que a situação rendeu: difícil existir alguma outra câmera que resista a um ataque de urso.

-Publicidade-