Competição de caminhada

O curta metragem a seguir aborda um comportamento que quase todos nós temos nas ruas, quando estamos a pé: é quase impossível andar na mesma velocidade de um desconhecido. Geralmente essa situação é desconfortável, sabe-se lá por que razão. O que você costuma fazer diante disso? Acelera o passo? Finge que o cadarço está desamarrado e para? Atravessa a rua?

O filme é estrelado pelo músico Daniel Koren, que sincroniza um som para dar ritmo ao texto, também escrito por ele. Leia abaixo uma adaptação para o português que fizemos:

“Às vezes na rua eu quero começar uma competição imaginária com um pedestre que nunca vi. Não sei por que, mas, quando eu ando na mesma velocidade, sinto-me desconfortável. E sinto que a outra pessoa se sente desconfortável também. Acho que elas pensam: ‘Esse cara está perto de mim, qual o problema com ele?’. Então eu acelero e me distancio pensando: ‘Você vai ganhar a competição com o cara, você é melhor que ele, você é mais ocupado que ele’. Ao cruzar a linha de chegada, olho para trás e me sinto como um vencedor. Mas também me sinto um pouco bobo. Por que é tão assustador andar ao lado da mesma pessoa, na mesma velocidade? É por questão de segurança? Intimidade? Individualismo? É como se não houvesse nenhuma chance de eu ter algo em comum com esse estranho – nem mesmo a velocidade da caminhada. Por que nós não podemos andar juntos? Eu acho que isso pode ser muito legal. Então…"

-Publicidade-