Cinema de montanha


BRAÇOS ABERTOS: A cidade pronta para receber o Telluride Mountainfilme Festival; abaixo, fotos tiradas pela diretora de redação da Go Outside, Andrea Estevam

Começa hoje (23 de maio) a 35ª edição do
Telluride Mountainfilm Festival, um dos mais tradicionais e respeitados eventos de cinema de aventura do mundo. Como de costume, o festival terá quatro dias recheados de filmes que levam a sério as temáticas "ar livre" e "consciência social".

Na abertura, diferentes personalidades, como o ativista Tim De Christopher, discutem sobre “soluções climáticas, uma problemática para a sociedade atual". A mostra de filmes tem início logo na sequência. Paralelamente haverá eventos de arte e música ao vivo (confira a programação completa clicando aqui).

O festival teve sua estréia em 1979, pelas mãos de um grupo de escaladores que foi para Telluride, no estado do Colorado,
‘brincar" pelas montanhas durante o dia e, à noite, assistir a filmes sobre montanhas e promover acaloradas discussões sobre aventura e meio ambiente. Anos depois, o festival continua reunindo, todo ano, atletas, expedicionários, fotógrafos, artistas, diretores de cinema e ativistas. Em seguida, parte da programação é levada em turnê mundial, e é assistida por mais de 20 mil pessoas em 70 lugares de cinco continentes.

A diretora de redação da revista Go Outside, Andrea Estevam, está na pequena cidade montanhosa de Telluride para acompanhar de perto o Telluride Mountainfilm Festival e fazer uma seleção com os melhores documentários do festival para serem apresentados na terceira edição do Rocky Spirit,
o maior festival brasileiro de cinema ao ar livre, que reúne os melhores documentários de aventura — evento confirmado para o segundo semestre deste ano (leia sobre a última edição do Rocky Spirit clicando aqui). A seguir, algumas fotos que mostram o clima agradável da pequena Telluride.

-Publicidade-