Superiormente sensacional

Localizado entre os Estados Unidos e o Canadá, o Lago Superior contém 10% da água doce da superfície da Terra e uma infinidade de aventuras a serem desbravadas.

A repórter norte-americana Stephanie Pearson passou os últimos 20 anos escrevendo sobre lugares longínquos, da Tasmânia até o Butão. Mas para sua própria surpresa, foi perto de sua terra natal, em Duluth (Minnesota) que ela se maravilhou com um parque de diversões extraordinário e ainda pouco conhecido pelas massas de turistas: o Lago Superior. Aqui, ela dá dez sugestões de programas imperdíveis na área. Confira (e comece a procurar uma passagem!).


Fotos de Jen Judge

  1. Conhecer de caiaque a região da Área de Conservação Marinha Nacional do Lago Superior, os 135 km de costa do Parque Nacional Pukaskwa ou o parque Apostle Islands National Lakeshore de Wisconsin. A menos que você seja muito experiente, contrate uma operadora de caiaque, como a Naturally Superior Adventures (naturallysuperior.com) perto de Wawa, em Ontário, ou a Living Adventure (living adventure.com) em Bayfield, Wisconsin.

  1. Vá de balsa ou avião à ilha Royale, parque nacional de 2.312 km² que possui 99% de área selvagem e é o menos visitado entre os 48 estados norte-americanos continentais. Caminhe pelos 265 km de trilhas, passeie de caiaque por entre as mais de 400 ilhas do arquipélago e acampe ao longo do caminho.

 

  1. Prove iguarias do lago em delicatéssens e restaurantes locais. Experimente: Russ Kendall Smokehouse em Knife River, Minnesota; o Dockside Fish Market em Grand Marais, Minnesota; o Fish Shop em Amethyst Harbor, Ontário; Jamsen’s Fish Market em Copper Harbor, Michigan; ou o Bodin Fisheries em Bayfield, Wisconsin.

  1. Caminhe pelos 24 km da trilha Mdaabii Miikna, no Parque Nacional Pukaskwa, com sete áreas de camping, ou percorra os 498 km da Lake Superior Hiking Trail, de Duluth até a fronteira do Canadá. É possível fazê-la por partes. A trilha cruza oito parques estaduais de Minnesota, como o Gooseberry Falls e o Tettegouche.

  1. Navegue para o Parque Provincial Sleeping Giant, formação montanhosa que parece um humano que se projeta para dentro da Thunder Bay, em Ontário (sailsuperior.com). Caminhe até a sua cabeça, a 300 metros de altura.
  2. Pedale no melhor singletrack do Meio-Oeste, em 56 km de terreno variado em Copper Harbor, Michigan (keweenawadventure.com), ou nos mais de 130 km de singletrack profissionalmente projetado nos arredores de Duluth, centro de mountain bike nível ouro da International Mountain Bicycling Association (coggs.com).

  1. Hospede-se no Lutsen Lodge, que já foi local de refúgio de Nelson Rockefeller e do ladrão de bancos John Dillinger, na costa norte de Minnesota. Lá há excelentes oportunidades para praticar caiaque oceânico ou stand-up paddle, mountain bike e caminhadas em qualquer direção (a partir de US$ 99; lutsenresort.com).
  2. Observe as pinturas rupestres da Agawa Rock, no Parque Provincial do Lago Superior. As figuras de cor ocre representando canoas e criaturas estão pintadas em um penhasco que se ergue abruptamente da água.

9. Sobrevoe a costa de Ontário. A melhor maneira de conhecer rapidamente o deslumbrante lago é pelo ar. A agência Wilderness North oferece tours aéreos a partir de Thunder Bay (US$ 150; wildernessnorth.com).

  1. Faça o tour do Great Lakes Shipwreck Museum em Whitefish Point, Michigan, e conheça naufrágios como o de Edmund Fitzgerald. Mergulhadores experientes podem explorar a Reserva Subaquática Whitefish Point.

 

* Excerto da matéria original publicada na Go Outside 142, de julho/2017

COMPARTILHAR