Cientistas encontram a maior planta do mundo na Austrália

Por Redação

maior planta do mundo
Erva marinha da espécie Posidonia australis. Foto: Rachel Austin / Universidade da Austrália Ocidental.

Uma equipe de pesquisadores da Universidade da Austrália Ocidental descobriu em Shark Bay, na costa oeste do país, a maior planta do mundo.

A erva marinha da espécie “Posidonia australis” foi localizada a cerca de 800 km ao norte da cidade Perth, e se estende por 180 km. A equipe de cientistas também estima que a planta tenha pelo menos 4.500 anos.

Leia mais

+ Criatura marinha de aparência estranha é encontrada em praia da Austrália

+ Os incríveis cliques deste concurso de fotografia de natureza e vida selvagem

+ 13 aventuras em um México que você não conhece

O estudo foi publicado nesta quarta-feira (1º) pela revista científica Proceedings of the Royal Society B.

De acordo com Jane Edgeloe, principal responsável pela pesquisa, sua equipe coletou amostras de brotos de ervas marinhas do outro lado da baía e examinou 18 mil marcadores genéticos para criar uma “impressão digital” em cada uma.

“A resposta nos surpreendeu – havia apenas uma! É isso, apenas uma planta expandiu mais de 180 km em Shark Bay, tornando-a a maior planta do mundo”, disse Edgeloe.

A planta também se destaca por sua resiliência. “Ela parece ser realmente resistente, pois experimentou uma ampla gama de temperatura e salinidade, além de condições extremas de luz alta, condições que juntas seriam muito estressantes para a maioria das plantas”, disse Elizabeth Sinclair, autora sênior do estudo.

Os cientistas montaram uma série de experimentos em Shark Bay para entender como essa planta sobrevive e prospera sob condições tão variáveis.

-Publicidade-