Recorde à mineira

Sem alarde, trupe crava 380 metros de highline em Minas Gerais – maior distância já atravessada no país

O highline montado pela trupe em Minas Gerais

Por Bruno Romano

O SETOR “JURASSIC” costuma atrair amantes da escalada e do highline em Barão de Cocais, interior de Minas Gerais. É o caso do local Samuel Augusto, 19, nativo de Belo Horizonte, que enxergou a possibilidade de uma inédita linha nas alturas explorando o pedaço nos últimos meses. No início de setembro, ele conseguiu juntar uma trupe de cinco aventureiros para colocar seu plano em prática, cravando um novo recorde de distância em highline no Brasil.

Com 380 metros de extensão, a fita foi fixada em uma área exposta da Canela de Ema, montanha ícone na região. “A energia daquele local é realmente incrível”, conta Samuel, único a completar a travessia na íntegra, em projeto batizado de “O presente de Deus”.

O feito supera em distância a linha montada em agosto no Dedo de Deus (RJ), destaque na edição de setembro da Go Outside e em relato exclusivo na Go Outside online.

Inspirado pelo boom recente da modalidade por aqui, Samuel tenta descrever a sensação de missão cumprida: “Quando coloquei meus pés na rocha, fechando a linha e finalizando a travessia 100 %, veio algo totalmente incontrolável, com vários gritos de alegria e um sentimento de superação pessoal incrível”.

Longe de ser uma missão solitária, ele relembra agora, com os pés no chão, os dias de perrengue na montagem e desmontagem ao lado de quem também deu duro e se divertiu na fita: Aline Monjardim, Edmar Arruda, Jean Belmiro e Matheus Vidal.

Galera ‘sangue nos oio’ reunida para uma selfie

A logística complicada foi encarada com bom humor pelo grupo, que chegou até a fazer travessias sem roupa (mas com equipo de segurança) – tranquilo, sem fotos divulgadas. Fechar o projeto completo, incluiu também um sistema de três ancoragens para descer todo o equipamento. “Foram dias de muitas risadas na montanha, compartilhando uma ‘vibe’ sensacional”, conclui Samuel.

COMPARTILHAR