Como arrumar seu cooler

Garanta comida bem conservada e cerveja gelada no seu acampamento

Um cooler bem organizado faz a diferença em uma viagem longa (Foto: Marcos Ferro / Aurora Photos)

O seu cooler, a geladeirinha portátil que você usa para conservar sua comida em viagens, depende da arrumação e dos cuidados que você tem com ele para cumprir seu papel com eficiência. Se você não organizá-lo corretamente, verá todo seu isolamento térmico ir por água abaixo. A Outside norte-americana reuniu dicas de guias exeperientes que já levaram suas geladeirinhas a muitas viagens de camping, escalada e rafting pelo mundo. Eis seus ensinamentos:

Resfrie o cooler antes de enchê-lo. Um cooler frio mantém o gelo mais tempo. Se você tem acesso a uma geladeira ou freezer de tamanho industrial, deixe-o passar a noite lá antes de viajar. Se não, vale deixa-lo na varanda durante a noite, ou na parte mais fria da sua casa.

Congele sua bebida e alimentos. Se você está planejando cozinhar carnes no terceiro dia de viagem, por exemplo, guarde-as na geladeira congeladas, e deixe-as descongelar com o passar dos dias. A mesma coisa vale para água e bebidas não gaseificadas.

Use blocos ao invés de cubos de gelo. Blocos de gelo, que você pode fazer em casa usando potes plásticos, dão mais trabalho do que cubos – você vai ter que usar um machado ou outra ferramenta de metal para tirar algumas lasquinhas – mas a massa maior significa que ele demora mais para derreter. É melhor ter mais trabalho para obter pedaços menores de gelo do que assistir os cubos derretendo na sua frente.

Tire o excesso de água em viagens longas, mas não em viagens curtas. Os guias não tiram o excesso de água em viagens curtas, pois sabem que a água gelada ajuda a manter a temperatura da cerveja. Mas a água também faz o gelo remanescente derreter mais rápido, então se você está tentando preservar o gelo pelos próximos sete dias, vai ter que drenar o cooler uma ou duas vezes por dia.

Acomode tudo em camadas. Ponha os blocos de gelo no fundo do cooler, e então cubra-o com uma camada fina de plástico ou papelão antes de acondicionar a comida. Isso impede que os alimentos caiam no gelo e fiquem empapados.

Não confie em embalagens. Já aconteceu com todos nós: você fecha o saquinho do pão e põe de volta na geladeira, e na hora do café da manhã encontra uma meleca molhada. Tire a comida da embalagem original e guarde em saquinhos tipo ziploc ou em potes plásticos para evitar este acidente. Esta medida também reduz a quantidade de lixo produzida no acampamento. Dica de pro: embrulhe seus vegetais em papel toalha umedecido antes de coloca-los nos ziplocs. Isso ajuda a mantê-los frescos por mais tempo.

Invista em uma camada extra de isolamento. Mesmo se seu cooler for muito bom, não custa nada colocar uma camada a mais de isolamento por cima da sua comida. Uma técnica é cortar um pedaço de um isolante velho no formato da geladeira e colocar por cima de tudo com o lado refletivo para cima, para lutar contra o calor do sol.

Mantenha-o fechado. Se o seu cooler estiver bem fechado, menos ar frio escapará dele. Pegue o que você precisa e feche-o imediatamente, para não gastar o ar frio à toa.

Mantenha sua comida organizada e separada. Se cada tipo de comida tiver uma seção – carne, vegetais, condimentos, etc – você conseguirá alcançar o que deseja mais rapidamente, o que significa menos tempo com a geladeira aberta.

Traga um cooler só para a cerveja. Cerveja ocupa muito espaço na geladeira, então vale levar uma extra só para isso. Além do quê, campistas abrem a geladeira para pegar uma cerveja muito mais frequentemente do que para pegar comida, afetando a temperatura na qual o frango está guardado. Mais vale beber cerveja quente do que ter salmonela.

Lave e seque seu cooler após a viagem. Ao chegar em casa, a vontade é de deixar o cooler em um canto qualquer e correr para o chuveiro para um banho quente. Resista a ela. Lave a geladeira com água morna e sabão, e em alguns casos, um pouco de alvejante, para evitar um banquete de bactérias dentro. Uma vez limpo, deixe-o aberto ao ar livre para secar completamente. Mesmo um restinho de água que permaneça lá dentro pode significar um fedor caprichado da próxima vez que você for usar seu cooler.

Guarde-o dentro de casa. Seu cooler pode ser bem resistente, mas não é feito para viver sob o sol, que pode acelerar a deterioração do plástico. Guarde-o na garagem e ele vai durar um bom tempo.

 

COMPARTILHAR