Chile cria rede de parques de 4,5 milhões de hectares na Patagônia

A região patagônica localizada no sul do Chile será ainda mais protegida a partir de agora

DE CIMA: Vista aérea do Parque Pumalín, no Chile (Foto: Tompkins Conservation)

Por Redação

Notícia boa todos nós que amamos a Patagônia. A região patagônica localizada no sul do Chile será ainda mais protegida a partir de agora. No início desta semana, a presidente Michelle Bachelet assinou um decreto oficial para a criação de duas áreas de conservação: o Parque Nacional Pumalín e o Parque Nacional da Patagônia de Chile. Isso marca uma promessa do governo feita em março de 2017 sobre a parceria público-privada da Rede de Parques Nacionais da Patagônia, de 4,5 milhões de hectares (uma área total maior do que a Suíça). O decreto foi assinado também por Kristine McDivitt Tompkins, presidente e CEO da ONG Conservação Tompkins.

No início do ano passado, a norte-americana Kristine, viúva de Doug Tompkins, um dos fundadores da marca The North Face, doou 407.625 hectares de terras para o Chile. O governo chileno, por sua vez, contribuiu com quase 900 mil hectares de propriedade federal. As áreas doadas ficam nas regiões de Los Lagos, Aysén, Magalhães e Antártica chilena e abrigarão três parques nacionais – Pumalin, Melimoyu e Patagônia –, que somam 2.000 km, no sul do país. Os parques que já existem (Hornopirén, Corcovado e Isla Magdalena) serão ampliados.

“Este é um dia pelo qual batalhei por 20 anos”, disse Kristine, em entrevista dias antes do anúncio oficial. Junto com Doug, ela passou mais de duas décadas adquirindo terras no sul do Chile. Mas a posse do casal sofreu duras críticas da comunidade. Inicialmente, os chilenos se irritaram com o que consideravam uma “exploração estrangeira”. Porém, ao longo dos anos, a relação entre os habitantes locais e dos Tompkins melhorou, pois o casal começou a envolver a população no planejamento, criando mais empregos na região.

A nova rede abrigará oito áreas que incluem zonas protegidas, novas anexações e as contribuições privadas do casal Tompkins. A criação da rede significa um aumento de 38,5% na superfície de parques nacionais e 81,1% do total de áreas protegidas no Chile. Os parques estão abertos ao público.