O ás das montanhas

O suíço Dani Arnold quebra recordes de escalada veloz sem cordas ou qualquer equipo de segurança

NO TOPO: Dani Arnold no cume do Matterhonr, nos Alpes suíços (Foto: Reprodução)

Existem dois parâmetros para avaliar a dificuldade de uma escalada: a graduação da via e a velocidade com que ela é realizada. Para Dani Arnold, 32, a velocidade é muito mais importante. Nos últimos anos, o suíço quebrou recordes em ascensões nas Dolomitas italianas e nos Alpes suíços, sem usar cordas nem equipamentos de proteção. Comparando seus resultados com o da “máquina suíça” original, seu conterrâneo Ueli Steck, Dani descontrai: “Não gosto de ver a escalada pelo lado competitivo, meus “rivais” são meus amigos, eu escalo apenas para a minha própria satisfação”.

Abaixo, separamos três vídeos que dão uma noção mais exata dos feitos do atleta. Conheça mais sobre o estilo de escalada de Dani na matéria A nova Máquina Suíça, da Go Outside de janeiro/fevereiro 2017, nas bancas e nos tablets**.

> Escalando o Matterhorn, na Suíça:

 

> Mandando ver nas vias do Piz Badile:

 

> Quebrando o recorde no Eiger:

 

** IOS: http://apple.co/1x8RblL
ANDROID: http://bit.ly/1wU35W8

COMPARTILHAR