Missão: possível

Tony Hawk fala sobre suas participações em filmes e comerciais - como dublê e como ele próprio


(FOTO: tonyhawk.com)

Por Mario Mele

A revista Go Outside publicou em setembro (edição número 76) a matéria Missão: Possível, cujo foco são atletas profissionais de várias modalidades que emprestam suas habilidades para filmes e comerciais.

Então quisemos saber do skatista norte-americano Tony Hawk, uma verdadeira lenda viva do esporte, sobre esse trabalho paralelo que ele também faz até hoje: além de executar manobras históricas e se dar bem em campeonatos, Tony, hoje com 43 anos, já andou de skate para campanhas publicitárias de empresas como a Apple e a Domino’s Pizza. Além disso, figurou – sendo o próprio – nos filmes Jackass e The New Guy, entre outros. E, ainda na década de 1980, também se passou pelo ator Christian Slater no filme Skates na Pista da Morte (Gleaming the Cube), quando a missão de Christian era escapar de motoqueiros ladeira abaixo e de skate.

Por email, Tony contou para a Go Outside online sobre alguns dos “bicos” que fez como ator e dublê. Logo abaixo, também separamos alguns vídeos sobre os quais ele fala na entrevista.

GO OUTSIDE: Qual sua cena favorita num filme de ação?
Tony Hawk:
A última perseguição de Skates na Pista da Morte. Mesmo que algumas tomadas e ângulos beirem a um desenho animado, as cenas de skate foram todas reais.

Como foi sua participação nesse filme, que inspirou skatistas daquela época?
Gostei muito desse trabalho. Durante três meses, eu saía do colégio – na época eu estava no colegial – e ia direto aos sets de filmagem. Como um “skatista marginal”, eu até então nunca sonhara que essa seria uma profissão que pudesse crescer tanto.

Qual seu filme de skate favorito de todos os tempos?
Thrashin’, porque é tão ruim que é bom. Ao contrário de Grind, que é apenas ruim.

Qual foi a manobra mais desafiadora que você já gravou para um filme ou comercial?
Foi dar um boardslide num corrimão curvado para um comercial do Doritos Superbowl. Eu torci meu tornozelo logo numa das primeiras tentativas, mas no fim das contas consegui mandá-lo. Eu não tinha percebido o quanto o corrimão era grande quando eu o desenhei para a empresa de produção.

Perseguição em Skates na Pista da Morte:

Trailer do filme Thrashin’:

Trailer do filme Grind:

Tony Hawk no comercial do Doritos Superbowl: