165 km aos 61 anos

Aos 61 anos, a nadadora norte-americana Diana Nyad está prestes a nadar de Cuba aos Estados Unidos


ANOS 70: Diana contorna Manhattan; as Torres Gêmeas ao fundo
(FOTO:
diananyad.com)

Prestes a completar 62 anos, a norte-americana Diana Nyad quer realizar um sonho antigo: atravessar a nado de Cuba aos Estados Unidos. Especialista em longas distâncias em mar aberto, Diana fez essa mesma tentativa em 1978, mas desistiu depois de 42 horas na água.

No final daquela década, após ter contornado Manhattan e nadado das Bahamas à Flórida, ela se aposentou da natação. Só que há dois anos decidiu reinvestir no velho sonho. “Foi um jeito que encontrei para focar no momento presente”, diz ela, no vídeo acima.

Mais de 165 quilômetros em uma água infestada de tubarões estão a sua espera. Diana, no momento, monitora as condições meteorológicas e a temperatura da água para que suas chances sejam as maiores possíveis. No último post de seu blog, ela descreve (em inglês) sua trajetória até aqui e os momentos de tensão pré-partida.