Berlim a Praga em bikes sem marcha

Não planeje uma viagem de bicicleta, apenas vá o mais longe que conseguir


MARCANDO TERRITÓRIO: Pausa para a foto e para colar adesivo na placa

O filme Berlin to Prague Without a Map (assista abaixo) tem a ver com “se divertir fazendo aquilo que mais gosta”. Há um tempo, dois amigos (Stefan e Max) resolveram ir de Berlim (Alemanha) a Pagra (República Tcheca) pedalando suas magrelas single speed (sem marcha).

A ideia foi simples: não usar mapas, mas sim uma bússola, a qual eles checavam apenas algumas vezes durante o dia para ver se estavam no rumo certo.

Foi uma viagem de 240 quilômetros feita em três dias. E nada de rodovias muito movimentadas: a dupla empurrou as bikes em subidas lamacentas, explorou praças, descobriu pontos turísticos por conta própria e pedalou até dentro de um rio. Tudo por conta do acaso, sem muito planejamento, apenas tentando ir o mais longe que conseguissem.

“No fim do dia, por causa das mochilas nas costas, o corpo estava dolorido”, disseram. Mas logo esqueciam a dor e seguiam em frente, fazendo só que mais gostam que é pedalar.